calvície

Como funciona o tratamento para a calvície

A calvície é um problema que atinge um grande número de pessoas, fazendo com que a perda de cabelo crie uma insatisfação estética. De forma geral, a queda dos fios é um processo natural, causado pelo avanço da idade, mas que pode ser acelerado por alguns problemas de saúde, como alterações da tireoide, diabetes ou algumas infecções.

O problema pode ser tratado de diferentes formas: através do fortalecimento dos fios, do couro cabeludo e dos folículos capilares, ou da inibição de hormônios que atrapalham o crescimento do cabelo. Desta forma, é possível conter a queda e estimular o crescimento de novos fios, fazendo com que o efeito da calvície seja minimizado.

É importante ressaltar que o tratamento é indicado para quem está incomodado com a própria imagem, uma vez que a calvície é um problema meramente estético, sem prejuízos à saúde.

Opções de tratamento

Confira a seguir quais são os principais métodos de tratamento contra a calvície:

– Medicamentos

O uso de medicamentos pode ser feito para facilitar o crescimento de cabelos, fortalecê-los e evitar que o organismo produza hormônios que dificultam o crescimento dos fios. Os corticoides, por exemplo, podem ser indicados para casos em que a calvície seja fruto de disfunções do organismo.

– Cremes contra calvície

Os cremes também são alternativas bastante comuns. Há uma grande variedade disponível. Sua aplicação visa facilitar e estimular o crescimento de novos fios de cabelo. Alguns podem ser comprados sem receitas médicas, pois tem apenas a função de facilitar o crescimento do cabelo. Outros, à base de corticoides, devem ser usados apenas com a orientação médica. A principal vantagem deste método é a facilidade de aplicação. O tratamento, geralmente, é diário e apresenta bons resultados.

– Transplante de cabelo

Quando o tratamento com medicamentos e cremes não apresenta resultados significativos, o transplante capilar torna-se a alternativa mais indicada. Este tipo de procedimento é feito com a retirada de uma pequena parte do couro cabeludo onde existem mais fios de cabelo para que possam ser gerados mais fios que serão implantados nas demais áreas do couro cabeludo.

Diante de tantas possibilidades, o ideal é procurar um dermatologista e tirar as dúvidas sobre o tratamento mais indicado para o seu caso.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como dermatologista em São Paulo e Araraquara!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp